Obras portuguesas em domínio público

Obras Portuguesas em Domínio Público
User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4347
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Bugman » 13 Nov 2013 11:34

Eu tenho uma obra para converter há um ano e aquilo nao ata nem desata... :unsure:
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 13 Nov 2013 11:38

Thanatos wrote:Também concordo que é importante lançar a discussão na praça pública. O problema é quando se andam anos e anos em discussões sem se chegar a lado algum. Com tanta luminária no dito fandom, tudo espremido que temos ao fim destes anos todos?


Acho que parte do problema está na dispersão de esforços. Cada um rema sozinho. Enquanto dura o ímpeto inicial, as coisas vão andando...

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4347
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Bugman » 13 Nov 2013 11:46

vampiregrave wrote:
Thanatos wrote:Também concordo que é importante lançar a discussão na praça pública. O problema é quando se andam anos e anos em discussões sem se chegar a lado algum. Com tanta luminária no dito fandom, tudo espremido que temos ao fim destes anos todos?


Acho que parte do problema está na dispersão de esforços. Cada um rema sozinho. Enquanto dura o ímpeto inicial, as coisas vão andando...


Mas até se arranjar uma plataforma para vários utilizadores conveniente, fica difícil nao remar sozinho.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 13 Nov 2013 12:10

Bugman wrote:
vampiregrave wrote:
Thanatos wrote:Também concordo que é importante lançar a discussão na praça pública. O problema é quando se andam anos e anos em discussões sem se chegar a lado algum. Com tanta luminária no dito fandom, tudo espremido que temos ao fim destes anos todos?


Acho que parte do problema está na dispersão de esforços. Cada um rema sozinho. Enquanto dura o ímpeto inicial, as coisas vão andando...


Mas até se arranjar uma plataforma para vários utilizadores conveniente, fica difícil nao remar sozinho.


Um fórum? :P

User avatar
Bugman
Edição Única
Posts: 4347
Joined: 24 Jun 2009 17:47
Location: Almada Capital
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Bugman » 13 Nov 2013 13:40

Estava a pensar mais em ferramentas que permitissem aos vários colaboradores trabalharem os textos.

Por exemplo, eu estou com a Morgadinha há um ano e quase quase a chegar a meio da coisa. Podia ter havido alguém que pudesse ter feito um capítulo (bom, podia ter mudado os direitos de acesso no Drive, se aquilo nao encravasse), depois eu pegava a partir do que tinham feito. E isto seria válido para todos os textos. Isto seria um pouco ter um outro braço para remar. Nao acredito que trouxesse sangue novo, mas ajudava um bocado remar às vezes à direita, outras à esquerda.
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 13 Nov 2013 14:48

Bugman wrote:Estava a pensar mais em ferramentas que permitissem aos vários colaboradores trabalharem os textos.

Por exemplo, eu estou com a Morgadinha há um ano e quase quase a chegar a meio da coisa. Podia ter havido alguém que pudesse ter feito um capítulo (bom, podia ter mudado os direitos de acesso no Drive, se aquilo nao encravasse), depois eu pegava a partir do que tinham feito. E isto seria válido para todos os textos. Isto seria um pouco ter um outro braço para remar. Nao acredito que trouxesse sangue novo, mas ajudava um bocado remar às vezes à direita, outras à esquerda.


Sim mas aí estamos a falar da conversão e revisão de obras. Creio que o comentário do Thanatos era mais geral.

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 03 Jan 2014 09:58

Algumas estatísticas do blog, relativamente a 2013:
http://jetpack.me/annual-report/47433179/2013/

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Samwise » 10 Mar 2014 02:07

:happybday:

Faz hoje um ano que o Adamastor abriu "oficialmente" o activo e publicou os primeiro artigos no blogue: uma apresentação e mais três obras prontas para descarregar (entre elas, a que mais downloads tem até agora: O Banqueiro Anarquista, de Fernando Pessoa - deve haver assim... qualquer coisa no título que impele à sua leitura... :devil: ).

Vistas as coisas a esta distância, o projecto é neste momento um sucesso, com 18 obras disponibilizadas e mais de 10.000 downloads acumulados. Nada disto teria sido contudo alcançado sem a dedicação, a determinação e o empenho do seu criador/mentor, o nosso co-forista Vampiregrave! Está de parabéns o projecto e está de parabéns o Ricardo, alguém com uma enorma capacidade mobilizadora, coordenadora e orientadora, à qual certamente se juntará também uma grande dose de paciência para aturar os colaboradores :P . Há uma série de valores neste projecto com os quais me identifico por completo, a começar nos objectivos e parâmetros gerais de publicação (sempre com visão social e mira no trabalho asseado e bem feito - originador de uma mais-valia distintiva), passando pela estrutura colaborativa, e terminando na implementação "democrática" e participativa de grande parte das decisões. Em suma, há uma série qualidades e virtudes que se juntam no projecto e que me fazem lembrar as boas práticas segundo os manuais de apoio à gestão empresarial - entre as quais estão as que definem em traços largos aquilo que se designa por "liderança". :bow:

Espero pois que este seja o primeiro de muitos aniversários para o Adamastor. :cheers:
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 10 Mar 2014 09:54

Samwise wrote::happybday:

Faz hoje um ano que o Adamastor abriu "oficialmente" o activo e publicou os primeiro artigos no blogue: uma apresentação e mais três obras prontas para descarregar (entre elas, a que mais downloads tem até agora: O Banqueiro Anarquista, de Fernando Pessoa - deve haver assim... qualquer coisa no título que impele à sua leitura... :devil: ).


Para assinalar a data,vou publicar hoje a entrevista com o Mário de Carvalho e enviar aos colaboradores o guia em que temos vindo a trabalhar nas últimas semanas. :bbde:

Samwise wrote:Vistas as coisas a esta distância, o projecto é neste momento um sucesso, com 18 obras disponibilizadas e mais de 10.000 downloads acumulados. Nada disto teria sido contudo alcançado sem a dedicação, a determinação e o empenho do seu criador/mentor, o nosso co-forista Vampiregrave! Está de parabéns o projecto e está de parabéns o Ricardo, alguém com uma enorma capacidade mobilizadora, coordenadora e orientadora, à qual certamente se juntará também uma grande dose de paciência para aturar os colaboradores :P . Há uma série de valores neste projecto com os quais me identifico por completo, a começar nos objectivos e parâmetros gerais de publicação (sempre com visão social e mira no trabalho asseado e bem feito - originador de uma mais-valia distintiva), passando pela estrutura colaborativa, e terminando na implementação "democrática" e participativa de grande parte das decisões. Em suma, há uma série qualidades e virtudes que se juntam no projecto e que me fazem lembrar as boas práticas segundo os manuais de apoio à gestão empresarial - entre as quais estão as que definem em traços largos aquilo que se designa por "liderança". :bow:


Caramba, eu sabia que o meu curso de Gestão me haveria de valer para alguma coisa um dia :P Quanto aos downloads, já ascendem a cerca de 15 mil, número que me parece bastante razoável após apenas um ano de existência, especialmente tendo em conta que o mercado do livro digital é ainda muito reduzido no nosso país.

Samwise wrote:Espero pois que este seja o primeiro de muitos aniversários para o Adamastor. :cheers:


São votos que partilho. :tu:

User avatar
MAGG
Livro Raro
Posts: 2010
Joined: 11 Sep 2009 13:26
Location: Mar de Dentro ...
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby MAGG » 10 Mar 2014 23:57

Parabéns a toda a equipa do Adamastor. É deveras um projecto muito interessante. :)

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Samwise » 07 May 2014 23:41

Mais duas sugestões para pesquisa de obras online, com disponibilização de textos editáveis, ainda que nalguns casos sem qualquer cuidado no tratamento (mas é uma base):

http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/

http://portugues.free-ebooks.net/
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 08 May 2014 08:44



Este, se não me engano, tem pirataria :mrgreen:

User avatar
Samwise
Realizador
Posts: 14973
Joined: 29 Dec 2004 11:46
Location: Monument Valley
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Samwise » 08 May 2014 10:00

vampiregrave wrote:


Este, se não me engano, tem pirataria :mrgreen:


Tem aspecto disso, tem, e com publicidade da Leya pelo meio... :D

Em todo o caso, para aquilo que fazemos, é igual ao litro.
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -

User avatar
vampiregrave
Livro Raro
Posts: 1839
Joined: 11 Apr 2010 18:32
Location: Lisboa
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby vampiregrave » 08 May 2014 10:01

Samwise wrote:
vampiregrave wrote:


Este, se não me engano, tem pirataria :mrgreen:


Tem aspecto disso, tem, e com publicidade da Leya pelo meio... :D

Em todo o caso, para aquilo que fazemos, é igual ao litro.


Verdade, não tratamos obras protegidas por direitos de autor...

User avatar
Jack
Manifesto
Posts: 53
Joined: 05 Jan 2014 01:33
Contact:

Re: Obras portuguesas em domínio público

Postby Jack » 07 Oct 2014 23:30

Importam-se que eu faça aqui uma pergunta?

Uma obra que esteja em domínio público mas que seja uma versão traduzida tem direitos de tradução a ser pagos, certo? Como é que isso funciona?


Return to “Projecto Adamastor”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron