Page 7 of 9

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 18:16
by MAGG
pageHunter wrote:Eu gostei do Tom Bombadill no livro!!!


pageHunter wrote:A meu ver é um elemento dispensável da narrativa (tão dispensável que o Peter Jackson o dispensou do filme), mas que como tantas outras coisas acrescenta alguma coisa à riqueza que é a obra "O senhor dos aneis" como um todo.


Esta agora ... :blink:
Mas se acrescenta algo à riqueza do senhor dos anéis não é dispensável.

Quanto muito até considero um elemento muito "maduro" que fornece a visão que na guerra os lados são sempre muito subjectivos ( qual deles o melhor ou pior ) na medida em que mesmo com a vitória ou derrota de qualquer um dos lados uma guerra trás sempre consequências desastrosas. Repara que não conhecemos o desenlace da história depois da do senhor dos Anéis... Com a existência do Tom Bombadill nascem todas estas questões na mente de quem lê ( pelo menos na minha :blush: ).

Bugman wrote:A Guerra do Anel, tal como é pintada, é do tipo de guerras em que se tem de tomar lados, na qual não se pode ficar indiferente. Esta é a construção de toda a obra. Tom Bombadil não é só um enigma! É mesmo uma personagem falhada! Não é o pacifista, a menos que o pacifista seja o indiferente.


Porquê ? ... A minha visão até é muito diferente da tua ( vêr acima ). hurray pela diversidade ... que anima os debates.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 18:20
by Bugman
Bom esta discussão já tem muitos anos, quase tantos como aqueles que passaram desde que li o livro pela primeira vez. Tantos até que já nem tento lutar contra o facto de ser uma minoria!

A título pessoal, o facto de o PJ não o ter incluído no filme, que acho desde já curto, foi um motivo de alegria e foi-o um pouco como a Cerridwen disse: aquilo é uma quebra! Se fosse possível deixar um livro a folhear-se sozinho, os capítulos do TB eram os que eu aproveitava para ir à casa de banho ou tomar um café sossegado, seguro que não estava a perder nada de fundamental. Mais do que a Natureza personificada (uma interpretação), mais do que o ser neutral (outra) ele nem sequer é um acessório, algo que embeleza, é isso sim uma quebra. Quando lemos a obra verificamos que ele nem nos pensamentos, nem nas acções se volta a reflectir.

Conhecendo Tolkien como conhecemos, certamente havia ali planos para algo mais mas que no final acabaram por não vingar.

Quanto às aventuras de TB, tenho o livro em português, que me ofereceram, mas quando comecei a ver muita poesia desisti (aliás nem li) e aguardo pela versão inglesa. Como não tenho um fascínio de morte pelo personagem, também ainda não procurei com muito afinco... :tongue:

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 18:28
by Dharma
Concordo totalmente com o Bugman. Nunca percebi a parte de Tom Bombadil no SdA... achei aquilo uma "paragem" desnecessária na narrativa e da segunda vez que li o livro saltei a parte dele...

E tenho o livro das aventuras do TB, li-o há uma série de anos e não ficou nada na minha cabeça... nadinha.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 18:47
by Samwise
pageHunter wrote:Já agora... Alguém leu o livro do Tom Bombadil? O que acharam?


Dispensável e aborrecido. Passei os olhos e vi que não era coisa que me interessasse. Poemas, cantatas e rimas da Terra Média é coisa para adeptos fanáticos.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 18:51
by Samwise
Bugman wrote:Bom esta discussão já tem muitos anos, quase tantos como aqueles que passaram desde que li o livro pela primeira vez. Tantos até que já nem tento lutar contra o facto de ser uma minoria!


A discussão resume a uma coisa: gostaste do personagem ou não. (e se batias no Jackon se o apanhasses pela frente :mrgreen4nw:)

Podes sempre lutar contra o facto de pertenceres a uma minoria, mas não o podes alterar. :mrgreen4nw:

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 19:04
by MAGG
Samwise wrote:Podes sempre lutar contra o facto de pertenceres a uma minoria, mas não o podes alterar. :mrgreen4nw:


Quer-me parecer que a minoria somos nós Sam ... :mellow:


:mrgreen4nw: ... venham eles ... :brutallsabre:

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 20:01
by grayfox
Bem, vou ter de reler é? Assim a uns anos de distância parece-me que introduz sim uma alteração de ritmo na narrativa. Prejudicial ou benéfica não sei, só sei que quando vi o filme fiquei desagradado por não ter o Tom.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 20:34
by pageHunter
MAGG wrote:Esta agora ... :blink:
Mas se acrescenta algo à riqueza do senhor dos anéis não é dispensável.


Uma coisa é eu ter gostado do personagem durante a leitura do livro. Outra coisa é achar o personagem essencial :whistling:

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 06 Jan 2010 23:26
by annawen
Bem, eu sempre gostei muito do Tom Bombadil, desde a 1ª leitura. Para mim o Tom personifica a natureza. E é uma personagem muito engraçada. É uma personagem "bigger than life". Quantos à acção: ele salva os hobbits das árvores, num primeiro momento. E depois, volta a fazê-lo no monte do tempo, se não me engano.

Já agora... Alguém leu o livro do Tom Bombadil? O que acharam?


Eu li. Não o achei dispensável nem aborrecido (devo ser fanática :tongue: ). São poemas à volta da personagem. O melhor é um grande poema épico que inicia o livro. Para quem a quer conhecer melhor, são engraçados. É claro que o Tolkien não é um grande poeta, mas são interessantes por desenvolverem mais a personagem. São mais um complemento para quem gosta do mundo da Terra Média.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 21 Jul 2013 14:27
by Forbidden
Nunca li nada de Tolkien, mas acho que vou ler o Senhor dos Aneis. Talvez comece pra semana...

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 21 Jul 2013 16:06
by Bugman
Se vais começar começa pelo Hobbit, é coisa para se despacha em três dias e ficas com um belo apanhado do autor. Foge do Silmarillion no entanto até chegares ao fim do Senhor dos Anéis e teres gostado do que leste.


Quanto a Tom Bombadil, é provavelmente um belo exemplo de desperdício de papel.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 21 Jul 2013 16:26
by Forbidden
Bugman wrote:Se vais começar começa pelo Hobbit, é coisa para se despacha em três dias e ficas com um belo apanhado do autor. Foge do Silmarillion no entanto até chegares ao fim do Senhor dos Anéis e teres gostado do que leste.


Quanto a Tom Bombadil, é provavelmente um belo exemplo de desperdício de papel.


Ok, vou fazer isso então ;)

Se bem que os teus três dias é muito otimista para o meu lento ritmo de leitura xD

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 16 Aug 2013 23:54
by Sofiushka
Acabei de ler o LotR, depois de o ter largado há três anos atrás (o Tom Bombadil tirou-me a vontade toda de ler, na altura).

Foi o melhor livro que li na minha vida. Ao ler as três últimas páginas, só qua.do comecei a soluçar é que me apercebi de que estava a chorar baba e ranho.

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 27 Aug 2013 20:36
by pco69
Sofiushka wrote:Acabei de ler o LotR, depois de o ter largado há três anos atrás (o Tom Bombadil tirou-me a vontade toda de ler, na altura).

Foi o melhor livro que li na minha vida. Ao ler as três últimas páginas, só qua.do comecei a soluçar é que me apercebi de que estava a chorar baba e ranho.

Chorar porquê? Então quando acaba não estão todos felizes? Ou estás a falar do primeiro terço? :ph34r:

Re: J.R.R. Tolkien

Posted: 28 Aug 2013 13:49
by Sofiushka
Olha, sei lá eu. Até eu fiquei aparvalhada quando me apercebi :huh: Mas a verdade é que o final é muito triste: um, o Frodo, perde o sentido à vida porque não se consegue reajustar à pacatez do Shire; outro, o Gandalf, cumpriu o que tinha vindo à Terra Média fazer e fica sem propósito; os elfos têm de escolher entre ficar e, eventualmente, morrer, ou abandonar tudo o que criaram e voltar para um sítio onde vão viver isolados, porque até essa ponte deixará de existir. Gondor e Rohan ainda vão ter que enfrentar guerras durante muito tempo porque continuam rodeadas de territórios hostis; morreram muitos Dúnedain e são poucos os que restam, portanto mesmo Aragorn reclamando os reinos do norte, Númenor não voltará ao mesmo; os Ents igualmente, e não se podem multiplicar porque não sabem das Entwives.

E ainda por cima, o mais triste de tudo, é o Sam a ser deixado para trás como um cachorro em Agosto. Triste, triste, triste.