Realidades da insónia

Pedro Farinha
Edição Única
Posts: 3298
Joined: 03 Apr 2005 00:07
Contact:

Realidades da insónia

Postby Pedro Farinha » 11 Mar 2010 23:04

Vou beijar-te levemente os lábios, como uma brisa suave e morna e passar os dedos pelo teu rosto, reconhecendo as tuas feições tácteis.

Depois, puxar-te-ei para mim e beijar-te-ei intensamente, sentindo o veludo da tua língua a envolver-me e o calor a espalhar-se em ondas concêntricas por todo o meu ser.

Deitar-te-ei com todo o cuidado para não quebrar as tuas asas de anjo, e passarei os meus dedos famintos pelas tuas costas em carícias suaves mas precisas até sentir a tua pele arrepiar-se ao meu toque.

Serás o meu mar e mergulharei em ti, tocando com os lábios o teu pescoço, os teus ombros e os teus seios. Abraçar-te-ei, sentindo que todo o meu mundo está ali, naquele preciso instante, e um sorriso involuntário brotará na minha cara enquanto os meus olhos procurarão os teus.

Faremos as nossas vagas entrechocarem-se em ondas de espuma e de prazer enquanto sons miríficos dançarão aos meus ouvidos, em volteios de ternura e espasmos de prazer.

Já exaustos, os teus olhos tontos, deitar-se-ão sobre o meu peito e aí restaremos, a ouvir as nossas respirações, descompassadamente síncronas enquanto te envolverei no meu braço.

A tua pele na minha pele e os teus cabelos espalhados sobre mim.



É assim que eu te vou amar...


... se tu assim o quiseres.


PS. Passou um ano e continuas a tirar-me o sono

User avatar
Arsénio Mata
Livro Raro
Posts: 1773
Joined: 01 Oct 2009 20:41
Location: Portimão
Contact:

Re: Realidades da insónia

Postby Arsénio Mata » 11 Mar 2010 23:33

Belissimo! Não há outra palavra para descrever este texto. :bow:
Only in the bloodline is this terror exposed
A knife to the eye of modern day times
Exactly what you've worked for.

A price for the pride
I can feel the distance coming
The holes in my lungs
Won't let me take this anymore.

http://umhomemsimpatico.tumblr.com/

User avatar
Ripley
Edição Limitada
Posts: 1219
Joined: 30 Jan 2009 02:10
Location: Under some mossy rock
Contact:

Re: Realidades da insónia

Postby Ripley » 12 Mar 2010 11:22

Uma insónia produtiva, Pedro.




E bela. Muito bela.
"És a metade que me é tudo." [Pedro Chagas Freitas]
---§§§---
"O amor não se percebe. Não é para perceber. O amor é um estado de quem se sente. O amor é a nossa alma. É a nossa alma a desatar. A desatar a correr atrás do que não sabe, não apanha, não larga, não compreende." [Miguel Esteves Cardoso]


Return to “Pedro Farinha”




  Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 2 guests

cron