Page 1 of 1

Vidas. Não vidas.

Posted: 08 Apr 2011 23:21
by Pedro Farinha
O meu pai já morreu. Por acaso está vivo. Mas em boa verdade já morreu. O seu intelecto brilhante foi substituído por uma amálgama informe de pensamentos avulso, fora de tempo e sem nexo.

A minha mãe está viva. Mas anda morta. Não é fácil viver com um vivo que está morto. Espero que isso não a mate.

Espero nunca ficar um morto-vivo e um dos meus filhos escrever estas palavras cruéis. Mas se isso acontecer, que seja o mais velho a escrever, o outro terá o desplante de o fazer em inglês.

Re: Vidas. Não vidas.

Posted: 11 Apr 2011 12:43
by Bugman
Me likes! :whistle: