Page 1 of 1

Sonhador

Posted: 02 Apr 2012 10:58
by Jorge O.
Sonhador

Afastas as lágrimas de suor
Das pontas dos teus dedos
E dizes-me languidamente
“Ainda não cheguei lá…”

Lágrimas de sangue escorrem
Esguias entre as linhas carmim
Marcadas das tuas garras
Neste meu peito cansado.

O coração martela-me os ouvidos
Como se a música fosse infindável
E o ritmo das tuas ancas
A minha dança interminável.

As tuas coxas envolvem-me,
Prisioneiro de um sonho cru e a nu
Em que nada mais importa
Senão eu, tu e o nosso amor.

A manhã cruel viola-me os sentidos
E arranca-me a ferros do meu sonho,
O sangue já secou e a pele sente o sal
Dos meus sonhos perdidos em ti.

A realidade soca-me a cara
Sem nunca pedir perdão e eu…
Eu… eu sou só um sonhador.

Lx, 2012
Jorge O.