Fiodor Dostoievski

Escolha um autor e fomente uma discussão sobre a sua obra e a sua vida
myown_shad0w
Brochura
Mensagens: 32
Registado: 11 abr 2009 17:11
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por myown_shad0w »

Eu ainda só li um livro do Dostoievski, o Crime e Castigo e adorei. A tradução que li era um bocado ranhosa, não é preciso saber russo para ver frases mal construidas. Mas, traduções à parte, adorei o Crime e Castigo e a forma como ele retratava o personagem principal, aquele desespero febril que é transversal ao romance e o desenrolar da história.
Estou há algum tempo para ler O Idiota e Os Irmão Karamazov, mas como tantos outros, estão ainda na lista para ser lidos... Um dia hei-de lá chegar! :mrgreen4nw:
"quod me nutrit me destruit"<br /><br /><a href="http://papeiseletras.blogspot.com" target="_blank">Papéis e Letras</a>
Ana
Livro de Bolso
Mensagens: 176
Registado: 11 jan 2008 15:52
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por Ana »

Tenho o Ofendidos e Humilhados mas ainda não tive oportunidade de o ler.
O primeiro livro que li deste autor foi o Jogador e a partir daí começou o meu interesse por autores russos. Ainda li mais dois ou três livros dele, mas eram mais pequenitos. E para além do "Ofendidos e Humilhados" tenho também os Irmãos Karamazov (é bem possivel que o nome esteja mal escrito lol)

Relativamente a outros autores russos, li ainda Pasternak - "Doutor Jivago" e depois ainda tentei ver o filme, mas tive a pontaria de só ver a primeira e a última cena lol
philo
Manifesto
Mensagens: 70
Registado: 07 jan 2010 11:44

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por philo »

Existem dois livros que marcaram não só pelo seu valor literário, mas também porque foram a minha primeira incursão na chamada "literatura séria". Li com 16 anos o Werther de Goethe e o Jogador do Dostoievski. A leitura destes dois livros de "passagem" deixaram em mim uma impressão indelével, era um puto introvertido e depressivo, apaixonado por uma miúda linda e inteligente cujo amor repelia e atraia por me considerar inferior e indigno. Estes livros retratam 2 amores impossíveis e deixaram-me ainda mais soterrado em duvida e dor, mas são dois excelentes livros, O Werther é uma personagem moralmente superior, um amor altruísta e generoso, um homem que prefere cometer suicídio a trair uma amizade, o Jogador foi escrito pelo Dostoievski em 15 dias para liquidar uma divida de jogo, o Dostoievski era viciado na roleta e escreveu um livro magnifico em alguns dias, a necessidade aguça o engenho…neste livro existe uma relação amor/ódio, o protagonista é desprezado e secretamente amado pela mulher que idolatra e que cuja frieza é desconcertante.
Estes dois livros subverteram a minha visão do amor, e na minha vida sentimental tudo se desenrolou dentro desta inquietante forma de amar…
Avatar do Utilizador
Samwise
Realizador
Mensagens: 14974
Registado: 29 dez 2004 11:46
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por Samwise »

philo Escreveu:Existem dois livros que marcaram não só pelo seu valor literário, mas também porque foram a minha primeira incursão na chamada "literatura séria". Li com 16 anos o Werther de Goethe e o Jogador do Dostoievski. A leitura destes dois livros de "passagem" deixaram em mim uma impressão indelével, era um puto introvertido e depressivo, apaixonado por uma miúda linda e inteligente cujo amor repelia e atraia por me considerar inferior e indigno. Estes livros retratam 2 amores impossíveis e deixaram-me ainda mais soterrado em duvida e dor, mas são dois excelentes livros, O Werther é uma personagem moralmente superior, um amor altruísta e generoso, um homem que prefere cometer suicídio a trair uma amizade, o Jogador foi escrito pelo Dostoievski em 15 dias para liquidar uma divida de jogo, o Dostoievski era viciado na roleta e escreveu um livro magnifico em alguns dias, a necessidade aguça o engenho…neste livro existe uma relação amor/ódio, o protagonista é desprezado e secretamente amado pela mulher que idolatra e que cuja frieza é desconcertante.
Estes dois livros subverteram a minha visão do amor, e na minha vida sentimental tudo se desenrolou dentro desta inquietante forma de amar…


Os livros que foste escolher para ler nessa altura... :see_stars:

Curiosamente, achei o Werther extraordinário e gostei pouco ou nada de O Jogador (ok, sei que estou a cometer uma daquelas heresias). Pelo contrário, achei que lhe falta intensidade e obsessão, quer na descrição do vício do jogo, quer na transmissão dessa relação de amor impossível que descreve. Foi uma desilusão para mim, esse livro.
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -
philo
Manifesto
Mensagens: 70
Registado: 07 jan 2010 11:44

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por philo »

Os livros que foste escolher para ler nessa altura... :see_stars:

Curiosamente, achei o Werther extraordinário e gostei pouco ou nada de O Jogador (ok, sei que estou a cometer uma daquelas heresias). Pelo contrário, achei que lhe falta intensidade e obsessão, quer na descrição do vício do jogo, quer na transmissão dessa relação de amor impossível que descreve. Foi uma desilusão para mim, esse livro.



Não vou transcrever literalmente uma cena de um livro do Henry Miller em que o avô dele vocifera com a mãe do Henry Miller para a este não o deixei ler livros...livros que na idade adulta lhe lixariam a cabeça. A leitura transporta-nos para um mundo alternativo, desafiante, apaixonante, só existe um inconveniente...estilhaça o teu mundo seguro e confortável...eu sobrevivi quase incolume, mas ainda sinto o pulsar da dor na têmpora esquerda...
Avatar do Utilizador
Samwise
Realizador
Mensagens: 14974
Registado: 29 dez 2004 11:46
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por Samwise »

philo Escreveu:
Os livros que foste escolher para ler nessa altura... :see_stars:

Curiosamente, achei o Werther extraordinário e gostei pouco ou nada de O Jogador (ok, sei que estou a cometer uma daquelas heresias). Pelo contrário, achei que lhe falta intensidade e obsessão, quer na descrição do vício do jogo, quer na transmissão dessa relação de amor impossível que descreve. Foi uma desilusão para mim, esse livro.



Não vou transcrever literalmente uma cena de um livro do Henry Miller em que o avô dele vocifera com a mãe do Henry Miller para a este não o deixei ler livros...livros que na idade adulta lhe lixariam a cabeça. A leitura transporta-nos para um mundo alternativo, desafiante, apaixonante, só existe um inconveniente...estilhaça o teu mundo seguro e confortável...eu sobrevivi quase incólume, mas ainda sinto o pulsar da dor na têmpora esquerda...


Qual mundo seguro e confortável?
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -
Avatar do Utilizador
Bugman
Edição Única
Mensagens: 4349
Registado: 24 jun 2009 17:47
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por Bugman »

Só há um mundo confortável, mas o mundo que te faz desenvolver a imaginação, sair de casa, procurar amores impossíveis ou aventuras em cada esquina está longe de ser esse. O mundo confortável também não está em mergulhar nas profundezas da alma, pairar sobre as sociedades estilhaçadas do futuro e ver com o passar dos anos a tua a caminhar para ela, porque outros, confortavelmente, te conduzem como folha a flutuar num rio.

Quanto às leituras, penso que há leituras e idades, mais porque em dadas idades ainda não tropeçámos o suficiente para reconhecer no texto as nossas esfoladelas e convenhamos: há esfoladelas que souberam muito bem curar... :blush:

Quanto ao autor, para não ficar totalmente fora de tópico, está na minha lista de leituras essa mesma obra de que falas, portanto brevemente haverá opiniões! :pipoca:
A PENA online | O Bug Cultural

Normalcy was a majority concept, the standard of many and not the standard of just one man. Robert Neville
O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade. Petr Chelčický
Ao mesmo tempo que ali estava tudo igual, não estava você lá, não está teu passado, não está nada. Quer dizer: só você sabe que esteve ali. A parede, os prédios, não guardam a gente. Nós só nos guardamos a nós mesmos. Só valemos nós connosco. Fora daí é literatura, é poesia, é arte. Ferreira Gullar
Yes, I am a woman of the law. And there are lots of laws. But if they don't offer us justice, then they aren't laws! They are just lines drawn in the sand by men who would stand on your back for power and glory. Sartana
"No, Señoría, no es lo mismo estar dormido que estar durmiendo, porque no es lo mismo estar jodido que estar jodiendo". Camilo Jose Cela
srd
Dicionário
Mensagens: 534
Registado: 22 fev 2008 11:59
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por srd »

Samwise Escreveu:Curiosamente, achei o Werther extraordinário e gostei pouco ou nada de O Jogador (ok, sei que estou a cometer uma daquelas heresias).

Sendo assim somos os dois hereges. :wink:

SD

Nota: :o gostava tanto da tag “quote” antes da conversão…. :(
Avatar do Utilizador
Samwise
Realizador
Mensagens: 14974
Registado: 29 dez 2004 11:46
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por Samwise »

srd Escreveu:
Samwise Escreveu:Nota: :o gostava tanto da tag “quote” antes da conversão…. :(


Podes elaborar um pouco melhor a razão das tuas mágoas? :D

Talvez isto ajude um pouco, mesmo que sirva só para aliviar.
Guido: "A felicidade consiste em conseguir dizer a verdade sem magoar ninguém." -

Nemo vir est qui mundum non reddat meliorem?

My taste is only personal, but it's all I have. - Roger Ebert

- Monturo Fotográfico - Câmara Subjectiva -
srd
Dicionário
Mensagens: 534
Registado: 22 fev 2008 11:59
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por srd »

Samwise Escreveu:
srd Escreveu:
Samwise Escreveu:Nota: :o gostava tanto da tag “quote” antes da conversão…. :(


Podes elaborar um pouco melhor a razão das tuas mágoas? :D

Ups, ainda não tinha dado conta da pergunta. :blush:
Neste caso (da tag "qoute") não tenho que me habituar pois o sistema é igual a outros locais ... mas eu sempre gostei do sistema antigo antes da conversão, considerava-o mais prático, mais simples, mais directo ... mais clean.
E não é uma mágoa ;) .
Infelizmente tenho tido pouco tempo para explorar mais o fórum (após conversão) ... por exemplo, só hoje consegui perceber como é que depois de abrir um tópico ia para o 1º post (desse) tópico não lido :blush: ... enfim, vai com o tempo! :)
SD
Avatar do Utilizador
Forbidden
Capa Dura
Mensagens: 328
Registado: 01 ago 2012 14:45
Contacto:

Re: Fiodor Dostoievski

Mensagem por Forbidden »

Ando a ler o Crime e Castigo, e uma coisa que fiquei a saber e muito me surpreendeu, e que a prostituiçao era legal no Imperio Russo!! Isso mesmo, nao e incrivel? Isto num pais do seculo XIX que vivia praticamente na Idade Media e com uma forte componente crista... eu fiquei muito surpreendido ao saber isto.
"I took a deep breath and listened to the old brag of my heart: I am, I am, I am."

- Sylvia Plath
Responder

Voltar para “Autores”